Calendário financeiro: a importância dele e como criá-lo
Businessman marking on calendar for an appointment

Calendário financeiro: a importância dele e como criá-lo

O calendário financeiro ajuda a manter as contas de uma organização em dia. Trata-se de um importante recurso, que tem como objetivo evitar aborrecimentos e surpresas no fim do mês.

Por meio dele, a companhia consegue manter sua saúde financeira, além de poder planejar as suas estratégias, melhorando desempenho dela como um todo.

Toda empresa tem contas para pagar, como aluguel, internet, pagamento de funcionários, fornecedores, etc. E nós sabemos que não são poucas, então, é exatamente essa quantidade que pode causar confusão.

Além dela, existem alguns gestores que não sabem como administrar as finanças, o que pode levar a danos como endividamentos, pagamento de juros e até problemas maiores.

O ideal é se informar e se organizar, a fim de evitar que as consequências do mau planejamento financeiro aconteçam.

Não é uma tarefa difícil, mas ela exige disciplina e comprometimento por parte do empreendedor, para que ele possa levar adiante a sua empresa sem muitos pormenores.

Pensando na importância do calendário financeiro para as organizações, neste artigo, vamos explicar o que é, seus objetivos, importância, como criar, o que deve conter nele e as vantagens que traz para a organização. Confira.

O que é calendário financeiro?

O calendário financeiro substitui a planilha, representando um esboço do fluxo de caixa das empresas que estão começando agora.

No entanto, ele depende de um controle mais rigoroso quanto às datas de pagamentos de contas da companhia e também de seus recebimentos.

Essa organização evita perda de prazos em relação a entradas e saídas de dinheiro para uma fabricante de placas informativas para restaurantes ou qualquer outra empresa. E isso se configura como um cuidado essencial.

Portanto, o objetivo deste calendário é controlar melhor os ativos financeiros que entram e saem do negócio. Por exemplo, se a sua empresa possui uma ou outra conta que vence em um dia diferente das demais, ele facilita seu pagamento.

Somente pelo fato de ser acompanhado é possível observar os valores que precisam ser pagos e não faltar com os compromissos da organização.

Com relação às contas a receber, seu negócio evita prejuízos provenientes de inadimplência. Por exemplo, com ele, você pode avisar os seus clientes quando os pagamentos estiverem próximos ao vencimento.

Não é uma cobrança, pelo contrário, é uma maneira de manter o cliente atento e ainda estreitar o vínculo com ele.

Perder o dia do vencimento de suas contas traz como resultado os famosos juros e multas. E quando a sua companhia não recebe aquele valor com o qual estava contando, acaba perdendo os prazos adequados.

Importância do calendário financeiro

Toda empresa, como uma fabricante de lacre adesivos, precisa fazer uso do calendário financeiro, seja por meio de uma planilha ou de um software mais sofisticado.

Tendo consciência da importância desse recurso, fica mais fácil fazer o negócio crescer. Nunca devemos deixar a gestão do dinheiro da empresa para depois, visto que esse erro pode prejudicar sua marca e sua imagem.

Esse controle deve fazer parte da rotina da sua organização, portanto, esteja sempre checando as contas a pagar e receber. Dessa forma, você evita perdas e garante maiores ganhos para o seu negócio.

Como criar um calendário financeiro?

Agora que você já sabe o que é, o objetivo e a importância do calendário financeiro, vamos mostrar como ele pode ser criado, de modo a atender as necessidades de qualquer empresa, como uma fabricante de etiqueta de patrimônio.  

Ele pode ser feito em uma planilha, sendo mensal, com divisão semanal, levando em conta apenas os dias úteis. Na primeira coluna da planilha, à direita, inclua os dias da semana com suas respectivas datas.

Ao lado, inclua colunas denominadas como “previsão de pagamento e recebimento”, com os dias em que se aplicam. Para ampliar ainda mais o controle, inclua também os valores.

O ideal é que as datas de recebimento sejam anteriores às do pagamento, mas caso não seja possível, a visualização da planilha permitirá que você se planeje para pagar as conta do seu negócio.

Toda vez que você fizer uma movimentação financeira, como receber ou pagar uma conta, insira uma marcação.

Por exemplo, um mecânico para bicicleta pode indicar um status dizendo se a tal transação está pendente ou já foi realizada.

Essas marcações são importantes, pois todo pagamento ou recebimento que foi esquecido pode passar despercebido.

Todo mês, você deve usar o mesmo padrão de calendário, além disso, para facilitar ainda mais a identificação de cada item, separe-os por categoria e por cores. Por exemplo, rosa para impostos, vermelhos para aluguel, amarelo para pagamentos, etc.

As planilhas são mais manuais, por isso é recomendável usar um software, uma vez que eles podem programar um lembrete um dia antes da data de vencimento da conta que você deve pagar ou do valor que precisa receber.

Outra que um negócio, como uma escola de ensino fundamental particular, precisa fazer é listar as despesas e receitas mensais. Todos os itens devem ser listados, tendo em vista que a eficiência do calendário financeiro depende disso.

Se optar por um modelo mais simples e manual na planilha, ele deve conter, pelo menos, o nome da conta a pagar ou a descrição do valor que o negócio precisa receber, bem como suas datas de vencimento e valores.

Benefícios e vantagens

O principal objetivo desse controle é evitar que a empresa perca os prazos das contas que precisa pagar e também das que precisa receber. Mas outros benefícios estão em jogo, como:

  • Evitar perder prazos;
  • Manter as obrigações financeiras em dia;
  • Evitar inadimplência;
  • Reduzir custos.

O negócio também se torna mais econômico, além disso, uma empresa que faça refeições coletivas para outras organizações consegue fazer previsões financeiras, podendo pagar suas contas com antecedência e, com isso, conseguir descontos.

Outra vantagem é a possibilidade de atrair boas parcerias e os melhores fornecedores, sem falar que o negócio se capacita para programar melhor as datas de vencimento de suas faturas, de acordo com seu fluxo de caixa.

Há um maior auxílio para toda a gestão financeira, pois é possível ter uma visão maior de toda a situação da companhia, em relação a um período específico.

Por meio do calendário financeiro, uma gráfica que faça cartão de visita pessoal, por exemplo, consegue definir melhor as suas prioridades financeiras.

Com isso, ela identifica as melhores oportunidades de investimento para fazer o seu negócio crescer, que conta ela precisa pagar primeiro, bem como consegue honrar seus compromissos sempre dentro do prazo estipulado.

Além disso, o empreendedor sabe quando receberá determinado valor e quando precisa pagar uma conta. Essa informação é útil para se programar, caso vá receber o montante apenas depois da data de pagamento.

Essa gestão financeira evita que o seu negócio tenha de arcar com juros e multas, além de torná-lo capaz de mensurar a sua necessidade de capital de giro, evitando que falte dinheiro para ele.

Ademais, qualquer tipo de organização, como uma academia de natação infantil, consegue definir as contas que precisam ser priorizadas, em casos onde não pode quitar todas em um mesmo dia.

Também fica mais fácil identificar recebimentos que foram feitos na data prevista, avisar o cliente quando o dia de vencimento está próximo e reagir rapidamente em casos de inadimplência.

Além disso, sua empresa também terá no prazo do pagamento de débito uma informação a mais sobre o comportamento de seus clientes, o que ajuda a identificar os bons e maus pagadores.

Saber quem são os clientes que atrasam os pagamentos é importante, mas saber quem são seus bons pagadores é ainda mais.

Isso porque a empresa pode se dedicar melhor a eles e trabalhar com estratégias de fidelização, como a concessão de descontos.

Essas ações são importantes para aumentar a satisfação deles e fazer com que voltem a fazer negócio com a sua empresa. Ou seja, é uma maneira de ter sempre os melhores clientes junto com você.

Conclusão

A saúde financeira de uma empresa é crucial para que ela possa crescer e se sustentar no mercado. Sem o mínimo de organização, muitos prejuízos começam a aparecer e todos eles são ruins para a sua marca.

As contas sempre existirão, e mantê-las sempre em dia, além de uma obrigação, é uma maneira de construir uma imagem positiva perante seus fornecedores, colaboradores e clientes.

Por meio de uma ação simples como o calendário financeiro, seu negócio começa com o pé direito no mercado e não se perde em meio a tantos compromissos.

A partir disso, fica mais fácil tomar decisões estratégicas que têm como o foco os ativos que entram e saem da sua companhia.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe uma resposta

Fechar Menu